E se foi

E se foi

 

A gente carrega muitas culpas na vida, mas e a culpa de não sentir o amor?  Como é que fica?

Nem o terapeuta mais graduado conseguiria explicar, aquele aperto que a gente sente quando sabe que não há…

…. O amor!

Uma hora delicioso, outro horripilante. E o que faz você tentar? Continuar?

…o amor!

Que se perdeu por entre os dias, que você não sabe mais encontrar. Ele estava ali até a última estação. Cadê, meu deus?

…o amor!

É tão difícil acreditar, é tão complicado pensar que o amor às vezes simplesmente se vai.

Mas deixa traços e, rastros. Sempre um coração livre e outro despedaçado.

…o amor!

O sentimento mais forte, mais puro. Que dói, mas que afaga. Aquele que só sentir não basta.

…o amor!

Afinal, pra onde você foi? Amor!

Anúncios
Preencha

Preencha

       
Você pode preencher sua vida com tudo, mesmo que esse tudo seja nada.

Sim, você pode deixar o mundo entrar pelos ouvidos e chegar até o coração fazendo cócegas perto do peito, só pra você rir de vez em quando.

Ou você pode deixar tudo trancado, imóvel, criando poeira no pulmão e congelando o coração.

Você pode ouvir conselhos sem graça sobre relacionamentos, conversar com estranho no elevador.

 Ou só fechar a cara, fingir que não está ali e seguir o seu caminho quando chegar no décimo andar.  

Você pode querer arriscar ou nem tentar.

 Não importa, a vida vai continuar. As pessoas vão passar, as flores vão nascer, folhas vão cair.

E enquanto a vida continua, você continuará preenchendo sua vida como quiser. 

Mas aí lá na frente, quando olhar pra trás, você terá uma vida inteira que poderia ter sido preenchida com tudo, mas pra você bastou o nada.