Ela se sentia feliz

Ela se sentia feliz

rain

Era dia de chuva. Daquelas que intercalam pancadas fortes com aquelas finas que não valem a pena abrir a sombrinha. Ainda estava escurecendo, mas já passava das 19h. Estava um calor típico de Janeiro e ela voltava pra casa depois de um dia de rotina comum: relatórios, ligações, problemas. De 8h as 18h sua vida se resumia e entender gráficos e planilhas do excel.

Mas ela se sentia feliz. Na maioria das vezes, ela acreditava que era feliz. A playlist no iPod era a mesma de 2009, carregando a nostalgia de uma adolescência dramática, mas feliz. Ela acreditava que foi feliz.

Ela tinha um amor, tinha dinheiro para comprar o doce preferido quando desse vontade, tinha histórias engraçadas e vivia sorrindo. De vez em quando colecionada conversas incompletas no whatsapp, aqueles dois tracinhos azuis ficavam por dias, mesmo ela querendo uma resposta.

Ela se dizia a pessoa mais confusa da terra, Libriana de carteirinha, não sabia o que queria, mas sabia o que não queria.  Não queria coisas pela metade, nada que fosse incompleto te satisfazia. “Ou é tudo ou nada” ela dizia. Se fosse pra se jogar que fosse de cabeça, com tudo, sem temer.

Mas cadê a decisão de mudar? Era mais cômodo, mais  fácil, viver aquela rotina de sempre do que entender o que faz seu coração balançar.

E como o coração dela pedia pra voar…Ela tinha vontade de ir pra uma festa e acabar de dança, ela já quis largar tudo e viajar, ela queria ter as histórias mais loucas pra contar. Ela queria momentos incríveis com pessoas inesquecíveis. Queria conversa de bar com estranhos. Gargalhar com os amigos até engasgar. Ficar parada era a pior coisa, fazer tudo igual era a morte dos seus sonhos.

Mas naquele dia de chuva, ela viu tudo que não se encaixava e entendeu  que seu destino não era traçado em 3ª pessoa. Ela precisava fazer diferente e olhar o mundo do melhor jeito que pudesse ver. Ela precisava mudar e se encontrar.

Ela se sentia feliz. Na maioria das vezes, ela acreditava que era feliz. Mas no fundo só precisava se descobrir.